segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

10 coisas que aprendi depois de 01 ano casada!

Há 01 semana, completamos nosso primeiro aniversário de casamento. Antes de me casar, ouvi muitos comentários a respeito do casamento e da vida pós casamento, comentários/dicas ótimos, mas alguns alguns não tão bons assim. Por essa razão, me inspirei e resolvi escrever sobre 10 coisas que eu aprendi nesses 365 dias!

1 - A máxima "Depois que você casa é que vai ver como ele (a) realmente é" nem sempre é verdade, pelo menos não colou comigo. Ele não mudou em nada! Claro que algumas manias vem a tona (Pendure a chave do carro no porta-chaves dos Beatles, rsrsrs) mas se você focar nas pequenas manias, não vai aproveitar os bons momentos.

2 - Depois do sim, você e ele (a) formam uma nova família, mesmo que seja 02 pessoas, é um lar criado e não importa o que a nova sociedade moderna pensa, a vida doméstica inclui rotina e mudança de hábitos. 

3 - Quando tem amor acima de tudo, ele (a) vai abrir mão de muita coisa para te ver feliz, inclusive de velhos hábitos. Muitos não vão compreender, mas a vida é dos dois e ninguém pode "meter a colher"!

4 - Você vai sentir falta da casa dos seus pais nos primeiros meses na nova casa! No começo foi difícil para mim, eu sentia falta do meu quarto antigo, da minha casa, de meus pais e uma amiga me disse que teve a mesma experiência que eu. Para o Rô foi um pouco mais fácil pois ele morou 07 anos em São Carlos quando cursava Engenharia Civil Mas tudo foi questão de adaptação.

5 - A casa dos seus pais nunca mais será a mesma. Depois que você cria sua nova rotina e se adapta a nova vida, vai estranhar a casa deles. Não importa quanto tempo você tenha morado com eles, ou morado la, vai estranhar. A liberdade você não perde, mas você se acostuma com seu novo cantinho, e quando vai visita-los, chega uma hora que você quer voltar para sua casa.

6 - Cada um tem sua "Linguagem de amar" e você tem que descobrir qual é a sua e a dele (a). Muitas briguinhas e discussões acontecem pelo fato de você não saber reconhecer os pequenos gestos de amor, que pode ser: carinhos em momentos que você não espera, palavras de afirmação, formas de servir, ajudar nas tarefas domesticas, não deixar faltar nada em casa, etc. Depois que eu li o livro "As cinco linguagens do Amor" passei a ver esse sentimento de forma diferente e eu nem conhecia o meu marido! 

7 - Alguns amigos (as) tentarão tirar da sua cabeça a ideia de casar, dizendo que vai perder a liberdade, que se fosse bom não precisava de testemunhas e tals. Talvez esse amigo ou amiga esteja procurando alguém e use isso de mecanismo de defesa. 

8 - Mulher: você vai lavar cueca suja dele sim, e não adianta vir com discurso. A não ser que você tenha condições de pagar para alguém lavar, passar suas roupas, porque tem coisa que homem, por mais boa vontade que tenha, não consegue fazer! E isso é natureza deles!

9 - Nuncas aquelas dicas que sua mãe te deu serão tão úteis e ela, tanta razão. A minha sempre dizia: "A primeira coisa que precisa estar arrumada em sua casa é a cozinha!" e ela esta certa" OU, "Use água quente para lavar louça, tira a gordura!" 

10 -  Mulher: se ele quiser te ajudar nos afazeres da casa, deixe, mesmo que ele não faça do seu jeito. Não faça críticas, ele esta querendo ajudar e caso você critique, ele não te ajudará mais!

Enfim, se fossemos dar ouvido aos maus conselhos, não estaríamos junto! Se você ama, case! Não dê enfase aos defeitinhos dele (a) pois como disse no item 1, se não você não aproveita. Aí você pergunta, "Então como tem muito divórcio?" A chave de todo relacionamento é o diálogo, honestidade e compreensão. Deixe o egoísmo de lado. Amor precisa ser altruísta. 




Nenhum comentário:

Postar um comentário